Agronegócio: microbacias II, um projeto em favor dos pequenos e médios produtores paulistas

Microbacias II, um projeto em favor dos pequenos e médios agricultores paulistas - Foto: Assessoria de Comunicação / Secretaria da Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
MICROBACIAS 2
Milhares de produtores rurais vinculados a mais de 200 associações e cooperativas já mudaram sua realidade graças ao Projeto de Desenvolvimento Rural Sustentável – Microbacias II – Acesso ao Mercado, projeto do Governo do Estado de São Paulo, que já investiu R$ 83,97 milhões em apoio a essas organizações a se reforçarem e ampliarem sua capacidade de negociação coletiva dos agricultores e ampliar as oportunidades de negócios, principalmente dos produtores familiares.
REDUÇÃO

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por meio da Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro), disponibiliza gratuitamente o livro “Sabores da Horta – Do plantio ao prato”, que incentiva o uso das ervas aromáticas para temperar os alimentos, em substituição ao sal de cozinha. No Brasil, o consumo de sódio é, em média, duas vezes maior do que as duas gramas diárias recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

REDE

A Casa da Agricultura de São Pedro, que fica na área de atuação da CATI Regional Piracicaba, reuniu um grupo de produtores urbanos e rurais no dia 5 de fevereiro, com o objetivo de apresentar, para o ano de 2016, a proposta da formação de uma rede de agroecologia local, que será denominada Rede Agroecológica São Pedro. A rede é derivada das atividades executadas pela CATI durante o ano de 2015, quando foi implantado em São Pedro o Serviço de Inspeção Municipal (SIM), com auxílio da Casa da Agricultura local, comandada pelo engenheiro agrônomo Leandro Biral.
ZIKA ZERO
A ministra Kátia Abreu (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) afirmou sexta-feira dia (19) que o governo federal trabalha para aumentar a produção do inseticida biológico Bt-horus, desenvolvido pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). O produto é capaz de matar as larvas do mosquito Aedes aegypti – transmissor de dengue, febre chikungunya e zika – sem prejudicar a saúde das pessoas e dos animais domésticos.
ZIKA ZERO 2
No Dia Nacional de Mobilização da Educação contra o Zika, a ministra Kátia Abreu (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) também disse que o maior exército contra a proliferação do mosquito Aedes aegypti é a educação. Ela esteve em duas escolas de Goiânia e falou sobre a importância de combater o nascimento do inseto – transmissor dos vírus da zika, dengue e da febre chikungunya. A alunos e professores, Kátia Abreu afirmou que a escola tem o grande papel ao alertar as famílias.
SEMINÁRIO
A ministra Kátia Abreu (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) afirmou na quinta feira dia (18) que a pasta trabalha para que a defesa agropecuária brasileira seja reconhecida como uma das melhores do mundo. Em seminário promovido pela Secretaria de Defesa Agropecuária do Mapa, ela reforçou o compromisso com a sanidade dos produtos agrícolas e pecuários. A Secretaria de Defesa Agropecuária, disse a ministra aos gestores da pasta, trabalha para ser uma “escola” diante de outros países.
TRIGO

O cultivo de trigo no mundo enfrenta dificuldades no controle de doenças, afetando a lucratividade do produto rural e comprometendo a economia nacional. Entre as doenças de difícil controle em trigo destacam-se a giberela e a brusone. Em busca de soluções, o Brasil vai sediar, simultaneamento, dois eventos reunindo o que há de melhor no mundo em conhecimento e pesquisa sobre giberela e brusone. A submissão de trabalhos científicos pode ser feita até o dia 11 de março. A giberela e a brusone são doenças causadas por fungos que atacam as espigas dos cereais de inverno sob condições de alta temperatura e chuvas frequentes no período do espigamento.

CALENDÁRIO AGRÍCOLA MARÇO
Plantio: cana-de-açúcar, feijão (2ª safra), milho (2ª safra) e trigo. Colheita: amendoim, arroz, mandioca, milho (1ª safra) e soja.

E-mail: mauricio.picazo.galhardo@hotmail.com. Boa semana e um forte abraço.

COLABORADOR VOLUNTÁRIO (JORNALISTA MTB 64425/SP)

Entre na conversa...