17 de July de 2019

Servidores de Marília reivindicam 15% de correção salarial e cartão de compra

Foto: Wikimedia

Está definida a pauta de reivindicações da campanha salarial dos servidores públicos municipais de Marília para 2016. Após assembleias conduzidas pelo Sindimmar, o sindicato da categoria, foi fixado pedido de correção salarial de 15%, a troca da cesta básica por cartão de compras, a regulamentação do polêmico Banco de Horas e a volta dos concursos públicos, dentre outras reivindicações.

Através das redes sociais, o Sindimmar está distribuindo panfleto com as principais propostas que os servidores pretendem levar à administração Vinícius Camarinha (PSB). O sindicato também está prometendo marcar presença em todas as sessões da Câmara Municipal a partir da 2ª feira (29) e atos públicos em defesa dos direitos dos trabalhadores. Ainda não há audiência agendada com a Prefeitura.

Importante lembrar que 2016 é ano eleitoral e, justamente por isso, tem prazos fixados em calendário específico. O dia 5 de abril será o último dia para prefeito conceder ganho real de salário a servidores municipais. E a data-base dos servidores de Marília cai em 1º de abril.

Entre na conversa...