Ingresso para o Teatro vira piada na internet

Teatro Municipal. Foto: Divulgação.

Após sete anos fechado, a reabertura do Teatro Municipal, no dia 9, quinta-feira, trouxe muitas emoções aos marilienses. Elas foram da nostalgia e comoção até o descontentamento e crítica ao modo como a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal da Cultura, fez a distribuição dos ingressos à população.

Apenas com as três primeiras peças, a Prefeitura pagou com dinheiro dos cofres públicos R$ 135.000,00. Entretanto, ao invés de fazer um amplo e transparente sorteio dos ingressos aos contribuintes, a atual Administração resolveu distribuir 65% dos ingressos aos seus convidados oficiais. Isso significa que dos 470 lugares, a Prefeitura reservou 308 cadeiras aos seus próprios convidados.

A decisão foi considerada um “atraso” uma vez que, em ano de eleição, tal ato pode ser caracterizado como abuso de poder político.

A chance de ingresso para quem não foi convidados pela Prefeitura ocorre por sorteio pelo website da própria Prefeitura em www.marilia.sp.gov.br. O mariliense comum deverá fornecer os seguintes dados: nome; endereço; número de telefone; CPF e informar qual a peça que deseja assistir. Cada CPF terá direito a 01 ingresso por “Agenda Semanal”.

Foi aí que o atraso em relação à distribuição dos ingressos ao mariliense comum ficou estampado no período para a troca do bilhete controlado pela Prefeitura para os shows. O período de troca entre 22 e 16 de junho tem gerado piadas na internet. A vida é cheia de graças… e ironias. Só não é possível ir ao passado ainda.

Foto: Facebook.
Foto: Facebook.

Entre na conversa...