13º salário dos servidores é prometido para sexta-feira

É importante a participação cidadã do mariliense nas audiências públicas realizadas na Câmara.
Confira alguns pagamentos da Prefeitura fora da ordem cronológica

A cidade enfrenta uma de suas piores crises política e econômica. As vésperas de encerrar a sua Administração, o atual prefeito Vinícius Camarinha deixa como legado de sua gestão o lixo sem ser recolhido, da falta de remédios em postos de saúde, da merenda escolar deficitária, das ruas esburacadas, das obras de infraestrutura paradas, da frota sucateada, da demanda de vagas em escolas, das creches e berçários acima da capacidade da rede municipal de ensino por falta de investimento na estrutura da mesma.

Ao longo dos quatro anos de mandato, a atual Administração culpou ora a “herança maldita” deixado pelos ex-prefeitos, ora a crise econômica nacional. Agora não foi diferente. A Prefeitura de Marília informou, por meio de sua assessoria, que vai honrar seu compromisso em pagar o 13º salário de todos os servidores públicos municipais, na próxima sexta-feira, dia 23 de dezembro.

A nota ainda afirma que o pagamento irá ocorrer “Mesmo diante da crise econômica por qual passam estados e municípios, com a frustração da receita orçamentária, além da queda na arrecadação tributária projetada para esse período”. Vale lembrar, por exemplo, que o pagamento da categoria dos professores é realizado com verbas federais repassadas ao município via Fundeb (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica).

Vale lembrar também que a Oscip Matra divulgou ao longo de 2016 as constantes aberturas de crédito no orçamento público municipal, com sua maioria proveniente do excesso de arrecadação. A Matra também não se cansou de noticiar o exorbitante gasto da Prefeitura com publicidade oficial, algo em torno de R$ 6 milhões.

Assim, não há margem pra comemorar um eventual esforço desta Administração que deixa a cidade em um estado pior do que encontrou. Tudo não passa de obrigação dos gestores públicos municipais.

Entre na conversa...