Prefeito Vinicius solicita a liberação de recursos federais ao ministro Edinho Silva

Prefeito Vinicius solicitou recursos ao ministro da Comunicação Social Edinho Silva. Foto: Divulgação.

O prefeito de Marília, Vinicius Camarinha participou de audiência na última semana com o ministro chefe da Comunicação Social da Presidência da República, Edinho Silva. “Foi uma reunião, na verdade, para destravar recursos que foram liberados, prometidos para o município de Marília e que até agora não saíram. São recursos importantes para investimentos em áreas como saúde e esporte. Verbas que não chegam por conta da crise econômica e política. O ministro da Comunicação Social é o braço direto da presidente Dilma Rousseff, é um homem bastante influente no governo federal e poderá nos ajudar com essas demandas muito esperadas pela população de Marília”, disse o prefeito.

[contextly_auto_sidebar]Vinicius revelou que na audiência em Brasília solicitou a Edinho Silva a liberação de recurso para a conclusão da UPA (Unidade de Pronto Atendimento), localizada na zona norte, atenção do governo federal quanto ao teto do SUS (Sistema Único de Saúde) para os hospitais e também o recurso para o Centro de Iniciação do Esporte Olímpico.

“Quanto à UPA, o serviço ainda só não foi inaugurado, porque precisa da última parcela do governo federal para aquisição do mobiliário, estamos há quase seis meses esperando essa verba e até agora nada. A UPA será uma unidade importante para o atendimento de toda a cidade, será um serviço completo de saúde, com atendimento especializado em pequenas cirurgias, laboratórios de exames, leitos de observação (USI Unidade Semi-Intensiva), área de raio x redimensionada, eletrocardiograma, área de conforto para os profissionais e setor de apoio ao Samu (Serviço Móvel de Urgência e Emergência), toda a estrutura para reforçar muito a saúde pública em Marília”, revelou o prefeito.

A estrutura da UPA 24 horas da zona Norte, está dimensionada estruturalmente para atender uma população de 200 a 300 mil habitantes.

Expus também ao ministro a situação preocupante dos hospitais quanto ao teto do SUS, que não é reajustado desde 2007. A Santa Casa, por exemplo, que é contratada pelo SUS para essa modalidade de atendimento à população de 62 municípios e está sentido o efeito da crise, dessa defasagem do teto. O hospital não tem mais condições de continuar arcando  com o ‘extrateto’ sem a atualização dos números e, por isso, o atendimento a população fica comprometido”.

O chefe do Executivo ressaltou que a conquista desses benefícios, como a UPA e o Centro de Iniciação do Esporte Olímpico, só é possível graças ao trabalho realizado desde o início do atual governo municipal quando houve uma organização administrativa da Prefeitura, com a quitação de dívidas herdadas, limpeza do nome da cidade e a recuperação da credibilidade política, possibilitando ao município parcerias tanto com o governo do Estado quanto com a União.

“Tenho uma relação de amizade com o ministro Edinho Silva, fomos deputados estaduais juntos e ele ficou de dar andamento aos nossos pedidos. Sai bastante satisfeito da reunião com o ministro”, concluiu o prefeito Vinicius Camarinha.

Sobre Prefeitura de Marília 495 Artigos
Divulgação e Comunicação sob a responsabilidade de Carlos Bonatelli. Administração 2012-16 de Vinícius Camarinha (PSB).
Contato: Website

Entre na conversa...