24 de September de 2018

Diretoria da Acim se reúne para avaliação e planos

Reunião realizada na sede da Acim avaliou as principais atividades realizadas em 2016. Foto: Divulgação.
Reunião realizada na sede da Acim avaliou as principais atividades realizadas em 2016. Foto: Divulgação.

Parte da diretoria da Associação Comercial e Industrial (ACI) de Marília esteve reunida na sede da entidade pela última vez na temporada 2016. Na pauta de discussão assuntos relacionados as principais atividades desenvolvidas no ano e as que deverão acontecer nos primeiros meses de 2017. “Foi um encontro até certo ponto longo diante dos assuntos que são complexos”, avaliou o presidente da entidade, Libânio Victor Nunes de Oliveira, que tem se reunido com os demais diretores quase que mensalmente. “Gosto de compartilhar conquistas e decisões”, frisou o dirigente que desde quando assumiu a presidência em 2012 tem realizadas as reuniões frequentemente.

Sem dúvida a conquista pelo quarto ano consecutivo de melhor associação comercial de médio porte em gestão no Estado de São Paulo foi o assunto mais relevante, bem como a realização sistemática das campanhas com sorteio de prêmios. “Estas duas atividades monopolizaram a temporada de 2016”, reforçou o vice presidente da diretoria Gilberto Joaquim Zochio ao parabenizar a todos pelo bom trabalho realizado nestas duas frentes. “Ser considerada a melhor é algo muito bom”, disse. “Se manter como a melhor quatro vezes é algo mais importante ainda”, completou o dirigente que também é favorável a realização das campanhas com sorteio de prêmios como tem feito a Acim. “Não é qualquer entidade que consegue fazer o que é feito por aqui”, admitiu ao elogiar a performance dos funcionários pelo trabalho realizado.

As questões políticas de classe, principalmente no que se refere a Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) e dissídio coletivo, também foram motivos de conversa entre os diretores. “Uma instituição como a nossa tem que estar junto a diretoria estadual”, concluiu João Gonçalves, responsável pelo programa Acim-Med, que também foi avaliado pela diretoria. “Temos o compromisso de representar a nossa classe”, lembrou o dirigente que está na entidade por mais tempo, muito próximo de completar o cinquentenário como diretor. “Estar junto com a Facesp sempre foi um comportamento importante para Marília”, lembrou João Gonçalves que prevê ampla negociação com a Unimed de Marília, quanto aos planos de saúde para comerciantes e comerciários. “A cada ano as negociações estão mais delicadas”, lembrou.

A definição do calendário especial de atendimento das lojas do comércio de Marília para 2017 foi lembrada pelo secretário da diretoria, Manuel de Oliveira, que esteve presente na assembleia realizada e percebeu interesse do grupo em ampliar o funcionamento das lojas aos sábados. “Foi a principal alteração para 2017”, destacou o dirigente ao citar o funcionamento de três sábados ao mês a partir do mês de abril de 2017 até dezembro. “A finalização do novo contrato com a Boa Vista Serviços também está sendo algo bastante desgastante”, ressaltou o superintendente da Acim, José Augusto Gomes, que semanalmente esteve na capital paulista discutindo os detalhes da futura renovação do contrato sobre a prestação de serviços sobre o Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) que foi concluído em novembro. “Não está sendo fácil e temi pelo rompimento em determinado momento”, recordou Libânio Victor Nunes de Oliveira que esteve na sede da Facesp discutindo o assunto com os demais vice presidentes da federação, como ele.

Entre na conversa...