19 de October de 2018

Docente da Famema integra Comissão Organizadora do Simpósio Paulista de Oncologia

O Chefe da Disciplina de Oncologia e Radioterapia da Faculdade de Medicina de Marília (Famema), Dr. Sérgio Luís Afonso, integra a Comissão Organizadora do Simpósio Paulista de Oncologia (SP Onco), agendado para os dias 18 e 19 de setembro, no Centro de Convenção Rebouças, em São Paulo.

“É uma honra participar da organização deste evento tão importante e poder confirmar o destaque que a Famema tem no cenário nacional. Como integrante da Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer, nossa Instituição confirma sua importância nessa área”, afirma o Dr. Sérgio Afonso.

O Simpósio Paulista de Oncologia é uma iniciativa do Comitê Estadual de  Referência em Oncologia do Estado de São Paulo que visa promover a integração e alinhamento técnico-científico dos profissionais envolvidos no tratamento do câncer em hospitais da Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer.

O evento busca também, de forma inédita, estimular a pesquisa clínica, favorecendo o acesso de pacientes a novos protocolos de tratamento nos hospitais da Rede.

O Diretor do Comitê Estadual de Referência em Oncologia do Estado de São Paulo e Diretor Geral do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, Prof. Dr. Paulo Marcelo Hoff, enfatiza que para abordar com profundidade os diferentes temas da oncologia atual, o evento foi estruturado em sessões plenárias e multidisciplinares, com agendas específicas para cada uma das “especialidades” contempladas nesse primeiro encontro. “Dezenas de colegas estão envolvidos na montagem desse programa e um número equivalente de profissionais de outras áreas vêm trabalhando para materializar esse projeto. Para alcançar esses objetivos, contamos com a quase totalidade das instituições que compõem o Comitê na organização do evento, que terá o ICESP como responsável por sua realização. Trata-se de um esforço que se justifica pela relevância do encontro”.

O tema escolhido para o SP ONCO foi “Terapia Integrada em Oncologia / Diagnóstico e Tratamento Inicial”, que reflete um dos maiores desafios do tratamento do câncer: trabalhar de forma eficiente os recursos disponíveis nos diferentes hospitais da Rede Hebe Camargo.

Entre na conversa...