23 de October de 2018

Segunda Conferência Municipal de Políticas para as Mulheres acontece nesta sexta na Famema

QUESTÃO DE GÊNERO

Tereza Baraldi, secretaria de Juventude de Marília - Foto: Assessoria de Imprensa

A Secretaria Municipal da Juventude e Cidadania e da Coordenadoria de Políticas para as Mulheres e com o apoio do Conselho Municipal de Direitos da Mulher promove nesta sexta-feira, das 8h as 15h30, no Auditório da Famema, a 2ª Conferência Municipal de Políticas para as Mulheres de Marília. Este ano o tema é “Mais direitos, participação e poder para as mulheres” e foi dividido em quatro eixos: “Contribuição dos conselhos dos direitos da mulher e dos movimentos feministas e de mulheres para a efetivação da igualdade de direitos e oportunidades para as mulheres em sua diversidade e especificidades”; “Estruturas institucionais e políticas públicas desenvolvidas para as mulheres no âmbito municipal, estadual e federal”; “Sistema político com participação das mulheres e igualdade”; e “Sistema Nacional de Políticas para as Mulheres”.

“As mulheres têm conquistado seu espaço em todas as esferas da sociedade, demonstrando a importância do equilíbrio de valores nos papéis sociais assumidos no contexto dos gêneros. No entanto, muitos desafios ainda precisam ser vencidos e as mulheres de Marília têm obtido esta consciência”, afirma Mariela Ribeiro Nunes Cardoso, coordenadora de Políticas para as Mulheres na Secretaria Municipal da Juventude e Cidadania.

O objetivo da Conferência Municipal é traçar as políticas nacionais em favor da mulher. “É uma conquista e uma satisfação organizar este evento que prioriza o diálogo e a participação popular, que são marcas da atual administração municipal”, destaca Mariela Cardoso.

Conferências Livres

Durante o mês de agosto, foram realizadas diversas Conferências Livres em toda a cidade. Mais de 250 mulheres discutiram temas relacionados à 2ª edição da Conferência Municipal. Para a coordenadora da Mulher este tem sido um diferencial desta Conferência, pois somente assim é possível legitimar as necessidades das mulheres aqui da nossa cidade.

“Conseguimos realizar em parceria com instituições e movimentos feministas e de mulheres mais de 10 Conferências Livres. Com isso, atingimos mulheres que normalmente não eram ouvidas como as que vivem em situação de vulnerabilidade social, mulheres da terceira idade, evangélicas, sindicalistas, LGBT, jovens, negras e de descendência africana”, explica a coordenadora. O auditório da Famema está localizado na Avenida Monte Carmelo nº 800, no Bairro Fragata.

Entre na conversa...