18 de January de 2019

Interessados em carregar Tocha Olímpica em Marília tem até 15 de outubro para a inscrição

OLIMPÍADAS 2016

Tocha vai percorrer várias cidades, inclusive Marília. Foto: Divulgação.

Principal símbolo das Olimpíadas, a Tocha Olímpica vai percorrer cerca de 500 cidades brasileiras, entre elas Marília, até agosto de 2016, quando chegará ao Rio de Janeiro para a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos e Paraolimpicos. Termina no dia 15 de outubro,  o prazo para os interessados conduzirem  o tradicional equipamento esportivo na passagem por Marília.  Existem quatro campanhas selecionando condutores:

Cada campanha tem o seu enfoque e a sua maneira de selecionar. Em algumas delas, o interessado se inscreve e em outras o candidato deve ser indicado por alguém. Uma mesma pessoa pode se inscrever ou ser inscrita nas quatro campanhas para ter maior chance de ser selecionado. O revezamento da tocha, que envolve um comboio de veículos, passará por cerca de 500 cidades, 300 das quais receberão o revezamento e 200 que assistirão a tocha acesa no comboio.

Feita de alumínio e resina reciclada, a tocha olímpica de 2016 pesa pouco mais de 1 kg e tem 63,5 cm de altura quando fechada, e 69 cm quando expandida. O formato triangular dela é feito para representar os três valores olímpicos – respeito, excelência e amizade – enquanto as seções expandidas que parecem flutuar simbolizam o esforço atlético dos competidores. Ela chegará ao Brasil em maio do ano que vem.

De acordo com informações do Comitê Rio 2016, o objeto símbolo da Olimpíada viajará por cerca de cem dias pela Grécia e Brasil, percorrerá 10 mil milhas em um avião, 20 mil quilômetros por estradas brasileiras e passará por 250 do país. Tudo isso, antes de chegar ao estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, durante a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos, marcada para 5 de agosto de 2016.

Já se sabe, porém, que a tocha será acesa em Olímpia, cidade-berço da Olimpíada, assim como acontece há décadas antes do início de toda Olimpíada. Depois, a tocha viajará uma semana por cidades gregas até chegar a Atenas. De Atenas, o aparelho seguirá direto para o Brasil num avião. Em território nacional, será levado a todos os Estados do país, inclusive as capitais.

Durante a rota do revezamento no Brasil, a tocha será carregada por cerca de 12 mil condutores, movendo-se por 19,7 mil km de rota terrestre e 8,8 mil km de rota aérea, em até 4 cidades por dia. O objetivo é alcançar o maior número possível de pessoas, aumentar a participação do povo brasileiro em torno dos jogos, contar histórias do Brasil e promover celebrações diárias.

Entre na conversa...