Nova diretoria da OAB Marília assume cargos

O tesoureiro Bruno Ferrini Manhães Bacellar, o presidente Marlúcio Bomfim Trindade, o vice-presidente Tércio Spigolon Giella Palmieri Spigolon, e a secretária adjunta Cintia Maria Trad. Foto: Divulgação.
O tesoureiro Bruno Ferrini Manhães Bacellar, o presidente Marlúcio Bomfim Trindade, o vice-presidente Tércio Spigolon Giella Palmieri Spigolon, e a secretária adjunta Cintia Maria Trad. Foto: Divulgação.

A ata de transferência da nova diretoria da OAB Marília (31º Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil) será assinada às 16h da próxima terça-feira, dia 12 de janeiro, na sede da entidade, rua Gonçalves Dias, 440, no Centro. A eleição aconteceu no dia 18 de outubro de 2015 e teve votos de 1.212 advogados – 710 para a Chapa 1 (Lealdade e União) e 448 para a  Chapa 2 (OAB de Todos).

[contextly_auto_sidebar]O mandato tem duração de três anos (2016-2018) e a chapa vencedora é formada pelo presidente Marlúcio Bomfim Trindade, o vice-presidente Tércio Spigolon Giella Palmieri Spigolon, a secretária-geral Daniela Ramos Marinho Gomes, a secretária adjunta Cintia Maria Trad e o tesoureiro Bruno Ferrini Manhães Bacellar. Marlúcio já fez parte das últimas duas diretorias como secretário (2010-2012) e vice-presidente (2013-2015).

A assinatura terá a presença do último presidente da OAB Marília, que entrega o cargo, Tayon Soffener Berlanga, além dos veículos da imprensa local para um café da manhã. Ainda no primeiro semestre de 2016 um cerimônia solene que marca a posse da nova presidência deve ser agendada com a presença da diretoria estadual da entidade e autoridades.

Propostas

Entre as propostas a serem implementadas nos próximos três anos estão a criação da Escola Permanente do Advogado Mariliense e do Centro de Apoio ao Advogado, a melhoria dos canais de comunicação da entidade com advogados e sociedade, desenvolvimento de informativo periódico digital, ampliação do Clube de Vantagens do Advogado e mobília para funcionamento pleno das salas do advogado na Polícia Federal e Central de Polícia Judiciária, entre outras.

Entre na conversa...