17 de November de 2018

Pedido de CP dos Ônibus quer investigar fraude em licitação em Marília

Foto: G1.

A suspeita de fraude na licitação do transporte público de Marília, denunciada em rede nacional pelo telejornal Bom Dia Brasil (Globo) na manhã desta quinta-feira (4), vai embasar pedido de instalação de Comissão Processante (CP) na Câmara Municipal.

A CP dos Ônibus pretende apurar as denúncias de direcionamento na licitação finalizada em 2011, para que as empresas Grande Marília (grupo Constantino) e Viação Sorriso (grupo Gulin) vencessem o certame.

Há inclusive documentos provando vício na elaboração do edital, através da interferência do advogado Sacha Reck, um dos sócios da empresa Logitrans, de Curitiba-PR, preso em junho último por envolvimento em fraudes desse tipo em 19 cidades brasileiras, inclusive aqui em Marília.

O jornalista José Ursílio assina o pedido de CP dos Ônibus que será protocolado na Câmara, às 16h desta quinta-feira.

O documento será acompanhado das evidências da fraude, ignoradas em maio de 2013 pelo atual prefeito Vinícius Camarinha (PSB), que, por decreto municipal de emergência, contratou as duas empresas para assumirem o serviço prestado até então pela Circular de Marília.

 

Confiram matéria do telejornal Bom Dia Brasil (Globo) clicando no link.

Entre na conversa...