17 de October de 2019

Mutirão de limpeza prepara escolas municipais para início do ano letivo

Atual secretária da Educação Fátima Gatti.
Atual secretária da Educação, Fátima Gatti. Foto: Assessoria de imprensa da Prefeitura de Marília.

Visando garantir a limpeza e conservação das escolas, frente ao início do ano letivo de 2016, as Secretarias da Educação e de Meio Ambiente e Limpeza Pública já está preparando as escolas para a recepção aos alunos. De acordo com a secretária da Educação, Fátima Gatti as unidades passam por capinação, poda, pintura, entre outros investimentos.

[contextly_sidebar id=”pJiz8Vxin7NmvGDBsUiFSR2pkJzjKhcS”]“Deixaremos as nossas escolas organizadas e limpas, tudo para oferecer um bom atendimento aos alunos. Existem ainda 10 obras em andamento que estão em fase final e que serão entregues ainda nesse primeiro semestre”, destacou Fátima Gatti.

A secretária revelou que os funcionários da Educação retornarão às atividades (planejamento pedagógico) no dia 03; alunos das Emefs (06 a 10 anos) terão o início do ano letivo no dia 11; alunos das Emeis será gradativo, nos dias 11 e 12 para os alunos do Infantil II, que são as crianças maiores e depois a cada dois dias as outras, até que toda a escola seja atendida.

“No início faremos também, um horário diferenciado para adaptação das crianças nas escolas, afinal, é sempre normal um pouquinho de choro nesse ingresso à vida escolar. Para os pais dos alunos dos berçários, no dia 11, já está agendada um reunião em todas as unidades do município”, ressaltou Gatti.

Marília conta hoje com aproximadamente 18 mil alunos matriculados na Rede Municipal da Educação.

Fátima informou que pessoas que não efetuaram a matrícula dos filhos devem procurar a Secretaria da Educação (Central de Vagas) ou a unidade escolar pretendida para o preenchimento do cadastro e verificação da disponibilidade de vaga para 2016.

A secretária da Educação, na sexta-feira (29), aproveitou para visitar as obras de reforma da Emei Chapeuzinho Vermelho, localizada no bairro Fragata.

“Essa é uma unidade antiga, bastante tradicional e que conta com aproximadamente 400 alunos. Uma escola que carecia de muitas melhorias e quando o prefeito Vinicius Camarinha assumiu seu mandato, se comprometeu em construir a quadra coberta, além de outras melhorias. Aqui as crianças se apresentavam num gramado e expostas ao sol. A obra já está bem adiantada, não ficou só na quadra, fomos evidentemente além e em breve deverá ser entregue à comunidade”, destacou a secretária da Educação.

 

Entre na conversa...