17 de June de 2019

Lista dos incluídos no SPC da Acim cresce e dos excluídos se mantém

COMÉRCIO

Libânio Victor Nunes de Oliveira, presidente da Acim, avalia movimentação das consultas aos SCPC em Julho
Libânio Victor Nunes de Oliveira, presidente da Acim

Levantamento dos dados mensais do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), da Acim (Associação Comercial e Industrial de Marília), mostra que a lista dos CPFs que foram incluídos ao sistema que promove restrição ao crédito no comércio em geral se eleva, enquanto que a listagem dos excluídos se mantém o mesmo, comparado aos oito meses do ano passado. “Este é um reflexo do comportamento do consumidor em relação ao poder de compra dele no comércio em geral”, destacou Libânio Victor Nunes de Oliveira, presidente da Acim.

Segundo os dados apresentados, houve um crescimento de 25,37% entre os CPFs incluídos no sistema restritivo, diante do índice de (-)0,25% entre os CPFs que foram excluídos. “Quer dizer que mais pessoas se tornam impossibilitadas de comprar pelo crediário do que aqueles que retomaram o crédito”, explicou Oliveira. Ele destacou que no universo comercial existem mais pessoas em condições de compras do que o contrário. “Isto porque, muitas pessoas compram através dos cartões de crédito, débito ou benefícios, e aqueles que pagam em dinheiro”, disse.

Apesar das incertezas econômicas, no mês de agosto deste ano houve uma queda entre os CPFs que foram incluídos, com a marcar de (-)9,42%. Este é o segundo mês do ano que aponta queda (Junho foi o outro mês com menos 2,20%, de incluídos) entre aqueles que se tornaram incapazes de comprar através do crediário. Nos oito meses de 2014 foram incluídos 15.288 CPFs diante dos 19.166 incluídos até o mês passado. Em agosto foram 2.095 CPFs incluídos ao banco de dados do SCPC da Acim, diante dos 2.313 CPFs registrados nas inclusões as restrições no ano passado.

Recuperação

Entre os excluídos do banco de dados do SCPC da Acim, nos oito meses do ano passado foram registrados 11.365 CPFs que recuperaram as compras pelo crediário, diante dos 11.337 registrados em 2015 até o mês passado. Em agosto foram liberados para as compras pelo crediário 1.380 CPFs, diante dos 1.385 CPFs registrados no mesmo período do ano passado. Dos oito meses deste ano, foram quatro com índices negativos e outros quatro com índices positivos entre os excluídos do sistema restritivo ao crediário.

O presidente da Acim por sua vez destaca que os dados apresentados pelo SCPC da Acim não refletem o volume de vendas no comércio em geral, e sim, quanto as vendas pelo crediário. “O fato de o lojista consultar não quer dizer que a venda foi concretizada. A consulta é preventiva quanto a inadimplência, ou quanto a roubos ou furtos de documentos e tudo mais”, lembrou.

Entre na conversa...